terça-feira, 11 de novembro de 2008

Quem sabe, twitta ao vivo! (quem não sabe, também)

"Não me siga, estou perdido!" (?) Isso é coisa do passado.

Somos todos principiantes nesse lance de twitter. Cada tuitada pode tanto ser uma gafe em potencial quanto um arroubo de genialidade. Às vezes nadando de braçada em um mar de boa informação, às vezes afogados por bate-papos pessoais que eeeeeenchem o saco. Sem precisar de aceite ou fazer uso de moderação e antes que me perguntem se isso é bom ou ruim, digo apenas que é assim. Reduzindo as frases, pra fazer caber. Deixando lacunas para fazer subentender. Recebendo replies inimagináveis, participando do mundo de um jeito novo e, às vezes, assustador. Cada vez mais livres e expostos, mas sem ilusão: é incrivel como o que há de bom e mau em nós acaba potencializado por um resumo de 140 caracteres e ponto (ponto incluso nos 140, tá?). De um jeito ou de outro, estamos lá. Seguindo e sendo seguidos, por nossa própria conta e risco.

E uma vez lá, viramos arebanhadores de novos tuiteiros. Essa canção resume bem o espírito da coisa. E com bom humor, que é a melhor parte. Se você quer convidar alguém resistente sem parecer um "pregador digital", let's sing together!



You're no one if you're not on Twitter
And if you aren't there already you've missed it
If you haven't been bookmarked, retweeted and blogged
You might as well not have existed

In the old days it was all about achievements
Collecting all your trophies in a shrine
Then everybody came across the internet
And suddenly you had to be online

A home page was all you really needed
To seem like a success but not a geek
As long as you updated semi-annually
And checked your email once or twice a week

You're no one if you're not on Twitter...

Technology was moving rather quickly
And the next thing you needed was a blog
With intimate and detailed press releases
And now and then a photo of your dog

More recently the students brought us Facebook
And everybody has a hundred friends
The parties in the photos look amazing
They're not so great but everyone pretends

You're no one if you're not on Twitter...

Now you need to publish every movement
And every single thought to cross your mind
I'm told the Twitterverse is full of rubbish
But most of us are actually quite refined

We validate each other's insecurities
And brag about the gadgets that we've bought
We laugh out loud at every hint of jolliness
And try to self-promote without being caught

You're no one if you're not on Twitter...

4 comentários:

Nicole Prestes disse...

O Twitter tem tudo para ser a "Nova revolução nos meios de comunicação", espero que vá mesmo para frente!

Beijo Pati!

Mara De Santi disse...

Ah, Pat...quando crescer ainda vou ser igual você...hahahaha. Amei o post do tuíto. E estou lá graças à senhorita! Minha mentora virtual-tecnológica-virtual. É por essas e outras traquinagens mudéééérrrrnas que podemos ficar mais perto, né amiga? Kiss-call-me!

Suh_Storolli disse...

TWITTER É MAAAAAAAAARA, PATI!
hahahaha
beijometuíta!

Micael disse...

Através do vídeo, deu pra chegar até o site do cara:

http://www.ihatemornings.com/


Ele só não teve um excelente faro pra fazer essa música, como faz várias outras e tem um trabalho muito legal.

Vou marcar, twittar e blogar sobre o assunto. Que tal? hahahaha!